Dinho Moura: O cantor de Osasco com mais de 50 milhões de visualizações nas redes sociais


Cantando no ritmo do rap, como composições entre entradas sociais e situações do cotidiano, ou que vem garantido milhares de admiradores e seguidores.

Por: Rodrigo Silva / Correio Paulista

Com 36 anos de idade, o cantor Dinho Moura, natural da capital paulista e há 13 morando em Osasco, o "Cantinho das Polêmicas" como é conhecido, teve o seu primeiro hit de destaque com mais de 11 milhões de visualizações no Facebook com uma homenagem ao cantor Gabriel Diniz, falecido em 2019, vítima de acidente aéreo. Em 2016, o cantor teve a oportunidade de participar de um concurso no Programa Raul Gil no SBT, chamado “100% Safadão”. Em 2017, foi contratado para ser o cantor Wesley Safadão em comerciais de TV, além de participar em programas de TV como Tom Cavalcante (Multishow), Dani Pink (Rede Vida) e Geraldo Luis na Record TV.

No ano de 2018, selecione gravar composições que retratam o cotidiano e assuntos de destaque na mídia, ou o que vem trazendo frutos e conquistando admiradores.

O Correio Paulista conversando com o Dinho Moura

Você espera que em pouco tempo as mesmas visualizações?
Sinceramente, eu não esperava e nem imaginava quais eram as visualizações nas minhas redes sociais, ou o vídeo de Gabriel Diniz foi o que mais exibiu, fez uma homenagem a um cantor como um fã dele e de repente como exibiu um número gigantesco, mas teve outros vídeos que tiveram milhares de visualizações como Gustavo Lima, MC Gui entre outros.


O que levou um compor músicas com assuntos polêmicos?

Sempre tive vontade de exportar a minha opinião, no início era algo mais falado, e não dava muito certo, como o músico teve a idéia de usar a música para a minha opinião, nunca teve o rap. Eu fiz parte de uma dupla sertaneja e participei de bandas de forró, mas a minha crítica não deu muito certo nesses ritmos, e com o Rap se encaixou muito bem e o pessoal gostou e viralizou e assim eu continuo!

Já recebeu muitas críticas pelas músicas?
Já recebemos críticas de críticos, sempre vai, é normal, mas são poucas, perto dos números elogiados, já com esta questão, como minhas críticas são consideradas na opinião de funcionários com assuntos polêmicos do momento, gosto de ler os comentários e ver a reação da galera, junto com a minha opinião como transformo em música.

INSTAGRAM: https: //www.instagram.com/dinhomoura100
YOUTUBE: https: //www.youtube.com/user/atitude011
FACEBOOK: https: //www.facebook.com/dm.dinho



Fonte: Link do post Completo